Pesquisar
Close this search box.

De segurança a energia solar, produtos substitutos se tornam tendência

Segmentos de portaria remota, monitoramento de alarmes, rastreamento de veículos e geração de energia solar utilizam a inovação e a tecnologia como bases para expansão no mercado

Reduzir custos, mas manter a eficiência dos serviços oferecidos aos clientes nos mais diversos momentos do dia a dia. Este é o princípio básico do conceito de produtos substitutos, que utilizam a inovação e a tecnologia como bases e estão se tornando uma tendência crescente nas grandes cidades, como Fortaleza. Os produtos substitutos favorecem a redução de gastos, aumentando a qualidade do que já era ofertado por produtos em formatos convencionais. Fazem parte desse conceito os segmentos de portaria remota, monitoramento de alarmes, rastreamento de veículos e geração de energia solar.

“De janeiro a setembro deste ano, observamos um crescimento de 34% no segmento de portaria remota. Este é o produto que atualmente tem o maior potencial de crescimento no mercado cearense, devido à grande expansão imobiliária e ao aprimoramento da gestão dos condomínios”, observa Giuliano Loureiro, CEO do Grupo Servis, empresa cearense que concentra esses produtos substitutos em seu portfólio e atua nos mercados do Ceará, Piauí, Maranhão, Amazonas e São Paulo.

Na prática, esses produtos podem acompanhar os clientes desde o momento em que começam suas atividades diárias – fornecendo a energia elétrica para os aparelhos eletrônicos, através da geração solar -, quando saem de casa – por meio da portaria remota -, no momento em que chegam à empresa onde trabalham – vistoriada por meio do monitoramento de alarmes – e no trajeto de volta para a residência, com seu veículo – acompanhado pelo rastreador na central de monitoramento.

Tendência nacional

Alguns dados reforçam o crescente uso desses dispositivos. De acordo com a Associação Brasileira das Empresas de Sistemas Eletrônicos de Segurança (ABESE), o setor de segurança eletrônica faturou R$ 9,24 bilhões em 2021 em todo o país. No ano passado, este segmento cresceu 14%, superando os resultados de 2020 (13%).

“Por utilizarem a tecnologia e a inovação, os novos formatos desses produtos permitem um controle melhor do que já era feito, por exemplo, pelas portarias e pelos vigilantes convencionais. Além disso, investir nessas soluções traz retorno financeiro comprovado, como a instalação de geradores de energia solar para condomínios, empresas e residências”, reforça Giuliano Loureiro.

Compartilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Novidades:

Posts Relacionados